Análise Econômica, Política & Social
7 DE maio DE 2019 - 18:28

Produção do setor eletroeletrônico teve queda de 7,3% no primeiro trimestre

A produção industrial do setor eletroeletrônico apresentou queda de 7,3% nos três primeiros meses do ano, em relação ao igual período de 2018, conforme dados do IBGE, agregados pela Abinee – Associação Brasileira da Indústria Elétrica e Eletrônica.

O resultado foi motivado, principalmente, pela redução de 13% na área eletrônica. Já a atividade produtiva da área elétrica caiu 1,2%.

Humberto Barbato, presidente executivo da entidade, avaliou que o resultado é extremamente preocupante, e que este é o momento de todos darem as mãos para se superar a delicada situação econômica do país. “O Brasil tem pressa, o setor produtivo tem pressa e a população tem pressa para sair desse atoleiro”, afirmou.

Na opinião de Barbato, é hora de nossa classe política mostrar-se sintonizada com a população e demonstrar maior sensibilidade, evitando-se disputas desnecessárias entre o Executivo e o Legislativo, que só atrasam a aprovação de assuntos essenciais como as reformas da Previdência e Tributária. “Não é possível convivermos naturalmente com números cada dia piores e com o drama vivido por uma multidão de desempregados”, sustentou.

No mês de março, a produção das indústrias do setor elétrico e eletrônico apresentou redução de 14,7% em relação ao mesmo mês de 2018, conforme dados do IBGE. Houve queda tanto na área eletrônica (23,8%) quanto na elétrica (4,6%).

A Abinee ressalta que os resultados foram prejudicados pelo Carnaval, que, neste ano, ocorreu em março, enquanto que em 2018 aconteceu em fevereiro.

NewsLetter

Cadastre-se e receba nossas notícias por e-mail.