O que é que há

Confiança da indústria vai ao maior nível desde abril de 2013

24/11 – Dados da CNI apontam que em novembro a confiança da indústria alcançou o maior nível desde abril/2013, com melhora das avaliações sobre as condições atuais, que subiu para 56,5 pontos (0,5 ponto sobre outubro). As expectativas para os próximos seis meses ficaram estáveis: 58,8 pontos (outubro) e 58,9 pontos (novembro).

Geração distribuída ajuda a poupar água nas hidrelétricas

23/11 – Cálculo da Cogen mostra que a geração distribuída de energia contribuiu para evitar queda ainda maior do nível de água nos reservatórios das hidrelétricas do Sudeste e Centro-Oeste. Segundo a entidade, se não houvesse geração próxima dos centros de carga, os níveis dos reservatórios estariam 13 pontos porcentuais abaixo dos patamares atuais.

Itaipu alcança marca histórica de 2,5 bi de MWh em produção acumulada

22/11 – A hidrelétrica de Itaipu, registrou no início da madrugada desta quarta-feira a marca histórica de 2,5 bilhões de MWh em eletricidade produzida, acumulada desde o início de suas atividades, em 1984. Segundo a empresa, este é um recorde global. Só no ano passado, a binacional produziu cerca de 103 milhões MWh, também um recorde.

Falta trabalho para cerca de 27 milhões de pessoas no país

21/11 – A taxa de subutilização da força de trabalho passou de 23,8% no 2º trimestre/2017 para 23,9% no 3º trimestre, conforme dados da Pnad Contínua trimestral, divulgados IBGE. O resultado equivale a dizer que faltava trabalho para 26,8 milhões de pessoas no país no terceiro trimestre deste ano.

Contratação na indústria nos 9 meses do ano supera os números de 2015 e 2016

20/11 – A geração de empregos na indústria do país, de janeiro a setembro/2017, apresentou melhora em relação aos dois últimos anos. Segundo o Ministério do Trabalho, as empresas registraram saldo positivo de 76.337 vagas. O desempenho acumulado supera o saldo verificado nos mesmos períodos de 2015 (fechamento de 287.503 postos), e de 2016 (número negativo de 133.483).

Nova lei trabalhista faz CUT lançar programa de demissão incentivada; funcionários ameaçam greve

18/11 – Reforma trabalhista acabou com a obrigatoriedade do imposto sindical, o que afetará diretamente todos os sindicatos patronais e de trabalhadores do país. Reflexo disso, a CUT lançou seu programa de demissão incentivada para enxugar cerca de 60% de sua folha, composta por 178 empregados, que, por mais irônico que possa parecer, já ameaçam fazer greve.

1 2 3 77
NewsLetter

Cadastre-se e receba nossas notícias por e-mail.