Análise Econômica, Política & Social
Abdib Venilton Tadini2

2018 ainda será difícil para a infraestrutura

Para Venilton Tadini, presidente-executivo da Abdib, o ajuste fiscal drenou o fôlego do poder público investir; do lado privado, faltam projetos e sobra insegurança

Abinee Humberto 2017

Cresce percentual de empresas eletroeletrônicas que esperam queda nas vendas

Segundo Humberto Barbato, presidente da Abinee, além do alto grau de ociosidade da indústria, muitas incertezas abalam a confiança dos empresários

FIERGS Gilberto Petry

E se a indústria parar?

A recente greve dos caminhoneiros deixou um rastro de questionamentos e temores que colocam a sociedade brasileira diante de decisões importantes sobre o futuro do país. Filas nos postos de combustíveis e até prateleiras vazias formaram uma nova paisagem urbana. “Mas, por incrível que possa parecer, existe um cenário ainda pior do que esse: a inexistência de carga a ser transportada. Não por recusa dos caminhoneiros, mas pela inatividade das fábricas”. O posicionamento é do presidente da Federação das Indústrias do Estado do Rio Grande do Sul, Gilberto Porcello Petry, chamando atenção para o importante papel da indústria no cenário de retomada da economia nacional. Ele destaca que se o país continuar com o tabelamento dos fretes, ficará evidenciado o intervencionismo estatal na economia, o que poderá chegar a uma lamentável realidade de “desprodução” industrial. Petry propõe a urgente elevação do Brasil ao patamar de nação industrial como forma de garantir um futuro digno para a sociedade. "A valorização da indústria será capaz de romper essa tendência de declínio da economia nacional", afirma [clique no título para ler a íntegra]

IDC Wellington

Receita do mercado de tablets cresce 11% no primeiro trimestre de 2018

Wellington La Falce, analista da IDC Brasil, diz que o mercado vinha de quedas consecutivas e, por isso, o crescimento registrado neste início de ano é significativo

CNI Diego Bonomo

Medida de Trump traz riscos e oportunidades

Em artigo, Diego Bonomo, executivo de Assuntos Internacionais da CNI, explica as consequências do embate comercial entre americanos e chineses para o Brasil

ABDI Guto Ferreira2

Modernizar logística e rediscutir transporte

O presidente da ABDI - Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial -, Guto Ferreira, afirma que a mais recente greve dos caminhoneiros trouxe a oportunidade, urgente e necessária, para se reabrir o debate sobre a matriz de transporte de carga no país e sua dependência do sistema rodoviário, que gera custo de logística e acaba impactando o preço final dos produtos. Para a Agência, com a quarta revolução industrial em curso, o Brasil precisa se preparar para ter logística 4.0. É da porta da fábrica para fora, até o consumidor, onde está o maior desafio a ser enfrentado. De acordo com o Plano Nacional de Logística e Transportes, do Ministério dos Transportes, para tornar o sistema brasileiro mais equilibrado, a utilização de ferrovias e de hidrovias deveria aumentar. Na busca de soluções, a ABDI firmou uma parceria para instalar um Centro Global de Inovação em Logística em Contagem/MG, com operações previstas ainda para este ano. A inciativa abrigará a divisão de pesquisas de logística, um laboratório de fabricação e um ecossistema de empresas líderes globais, startups, universidades, inovadores, cientistas e governos do mundo inteiro que estejam focados em resolver crescentes demandas em logística. [clique no título para ler a íntegra]

1 2 3 59
NewsLetter

Cadastre-se e receba nossas notícias por e-mail.